Lançamento da Campanha 2018

O Cemaden Educação promove a Campanha #AprenderParaPrevenir desde 2016, em lembrança ao Dia Internacional da Redução de Desastres Naturais, para incentivar as comunidades escolares a refletirem sobre os desastres socioambientais e somar esforços na construção e no fortalecimento da proteção de suas comunidades.
A 3ª edição da Campanha #AprenderParaPrevenir – 2018 lançada neste 22 de abril (Dia da Terra) abre espaço para que escolas, Defesas Civis e universidades de todo o país divulguem seus projetos educativos na área da prevenção de riscos de desastres socioambientais.
Este ano a campanha traz o tema “Água [D+ ou D-] = desastre?” — uma temática desafiadora para a sustentabilidade planetária. Sabemos que a maioria dos desastres registrados nas cidades brasileiras está relacionada com a falta ou o excesso de água, como seca, enxurradas, inundações e os deslizamentos. Muita água pode causar inundação, alagamento, enchente, ressaca e deslizamento de terra. Sem chuva, tudo seca e as florestas podem queimar.
Mas será que é mesmo a água, ou a chuva, que gera tantos desastres? Apenas o excesso ou a falta de água podem causar desastres? Está certo “culpar” a água pelos desastres? Responder a questões como estas pretende estimular a reflexão e o desenvolvimento de ações educativas de redução de riscos de desastres, conservação da água e de enfrentamento das mudanças no clima.

As inscrições poderão ser realizadas entre 22 de abril e 01 de outubro de 2018, no site http://educacao.cemaden.gov.br/aprenderparaprevenir2018. Prêmios – pluviômetros semiautomáticos do Cemaden e kits educativos – serão sorteados entre os projetos que estejam acordo com Guia de Orientação da Campanha #AprenderParaPrevenir.

Mais informações com o Cemaden Educação: E-mail: educacao@cemaden.gov.br
Facebook: Cemaden Educação; Telefones: (12) 3205-0172/0173.

4 comentários sobre “Lançamento da Campanha 2018

    1. Cemaden Educação (Admin) Autor da Postagem

      Preencha o formulário na página ‘Inscrição’, recomenda que leia todas as regras no ‘Guia da Campanha’. Aguardamos sua participação!

  1. Marcelo Moura

    Olá Boa noite! Coordeno um projeto de extensão sobre RRD em uma comunidade de alta vulnerabilidade socioambiental( o publico alvo são os moradores, os mais envolvidos c a Associação dos Moradores) na comunidade não esxite escola … os jovens estudam em outra localidade. A comunidade só possui o espaço da Associação (espaço destinado a diversas atividades culturais, reforço escolar, etc)Diante disso, posso submeter a inscrição? Mesmo o projeto não sendo desenvolvido na escola?

    1. Cemaden Educação (Admin) Autor da Postagem

      Segundo Guia da campanha o projeto inscrito precisa envolver comunidades escolares ou instituições de educação não-formal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 1 =